Sanctimoniously – “The Fire Still Burns”

O fogo ardente dos Açores

Por Phil Peres

Uma das mais recentes apostas das excelentes reedições do Museu do Heavy Metal Açoriano é nem mais menos a banda que vos trago hoje, os Sanctimoniously, de Ponta Delgada. Editaram uma só maquete (extremamente curta por sinal) com intuito promocional, com um dos temas a ser incluído nos lançamentos “ Açorock” e “Promúsica 21”, este último tendo sido o único tema da banda editado em CD, tendo , pouco tempo depois, desaparecido do mapa, sucumbindo ao esquecimento. Todavia a falta de reconhecimento não é de todo sinónimo da falta de qualidade. Com apenas dois temas e um intro fazem algo interessante, nada de muito inovador mas interessante ao juntar o death / grind a umas “narrações que me remetem ao inicio do “Macabre Requiems” com uns efeitos meios paranormais (durante uns segundos dum tema), uns riffs meios doom metal e vocais Cradle of “Filthicos” tão característicos e indispensáveis na época. Sem dúvida um lançamento que merece a nossa atenção e aquisição deste Volume 3 da AZOREAN HEAVY METAL 1980-2000 COLLECTION, quanto à outra banda presente nesta edição, os Wreck Age, falarei nela mais tarde.

Baú do Dr. Phil #47: Sanctimoniously – “The Fire Still Burns”

Baú do Dr. Phil |